Isso de vídeo não é pra mim!


Eu tenho certeza de que se você é conectado o bastante, você já deve ter se ligado que estamos entrando na década dos vídeos...

Mas, se por acaso você ainda tem alguma dúvida de que “isso de vídeo é pra você”, eu te garanto que depois das razões que eu vou te dar, você vai querer se jogar de maneira definitiva no universo dos vídeos!


Quero começar te dizendo que em 2020 82% do tráfego da internet será através de vídeos.


Mas o que isso quer dizer?


Tráfego é a movimentação de dados recebidos e enviados. Quando você produz alguma informação na web, isso é um dado. 82% dessa informação movimentada na internet será feita através de vídeos.


Tudo que a gente faz na internet contribui pra esse tráfego.


E como hoje em dia tá todo mundo na internet: as pessoas, as grandes corporações, as pequenas e médias empresas, os profissionais autônomos, os pequenos empreendedores individuais, então não tem como escapar: você vai precisar fazer seus vídeos.


Ainda mais se você trabalha com produtos, serviços ou ideias...


Comece a inventar uma boa desculpa para não colocar sua cara aí no vídeo e falar com as pessoas, ou então se mude pra uma ilha deserta!


Você pode argumentar que você não quer se expor pra vender na internet, que na sua área de atuação as pessoas não costumam fazer isso, ou então que seu negócio é local, e que toda a sua vizinhança já te conhece...


Mas se você tem conhecimento, e se você quer ajudar a transformar a vida das pessoas, então não vai ter jeito! Você vai ter que fazer vídeos, porque vídeos aumentam muito o alcance da sua mensagem. Eles encurtam distâncias, e são extremamente eficientes em gerar conexão, de uma forma simples, rápida e barata.


Muita gente me pergunta: sou um prestador de serviços, a minha agenda é limitada, não tenho um produto digital, eu preciso me divulgar na internet?


Quero te responder com um sonoro sim!!!


Você não precisa ser um info produtor, ou um cara desses que trabalha com marketing digital pra você ter presença digital.


Você vai precisar fazer vídeos pra existir como profissional, pra mostrar o que você pensa, para inspirar ou simplesmente pra conversar com as pessoas, e se aproximar delas.


Porque já está mais do que comprovado que pessoas se conectam com pessoas e que a grande maioria das pessoas buscam líderes inspiradores, que lhes motivem, que sejam exemplo, que lhes dêem um pouco de atenção, ou até mesmo que lhes dêem aquele “empurrãozinho”...


Me diz, já te convenci a começar a gravar vídeos, ou você decidiu se mudar pra Marte, hein?



Então eu quero te dizer algo muito importante: Todo mundo começa do zero. Ninguém nasceu sabendo se comunicar no vídeo, então se você precisa de um incentivo, eu vou te dar um agora: você precisa se arriscar!

A diferença entre as pessoas que sabem que precisam fazer uma mudança e aquelas que de fato se decidem e agem é um pequeno passo.


Que tal começar fazendo uma lista do que você gostaria de contar pro mundo?

Faça uma lista com pelo menos 5 ítens.

Grave uma dessas ideias, usando a câmera do seu celular, só pra testar, e começar a criar mais intimidade.


Não poste, só observe como você fica no vídeo. Sem críticas devastadoras, combinado?


Observe-se com gentileza, certamente você tem algo bem interessante pra mostrar e contar pro mundo!


Esse é o primeiro pequeno passo! Valorize ele!


Aproveita e comenta aqui pra gente como foi essa experiência ou se você tem alguma dúvida.


A gente vai adorar te segurar pela mão pra seguir adiante!


Venha ser um vmt maker: um expert em performar conteúdos em vídeo!

Pra participar desse movimento com a gente, basta seguir o VMT Brasil na rede de sua preferência:
Instagram:https://www.instagram.com/_vmtbrasil/
Facebook:https://www.facebook.com/videomediatrainingbrasil/
Linkedin:https://www.linkedin.com/company/aba-academia-brasileira-de-apresentadores/
You Tube: https://www.youtube.com/channel/UCCoWpBKbmH76VYpx4VBYJow


5 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo